Postagens com a tag ‘Fudeba’

   domingo, 27 de dezembro de 2009

Fudebaram o site da Saraiva!



PéssimoRuimMédioBomExcelente (1 votos, média: 4,00 de 5)

Não sei os detalhes todos, mas a julgar como recebi a provavel história é mais ou menos essa:

O Sanzio, fudeba lá de Jaú, estava se cadastrando ou fazendo alguma coisa no site da Saraiva… Apareceu isso abaixo e nas palavras dele:

“BuuuhaauhaUHAuhaUHAuhaUAHuaHUahuAHUAhaUAuhaUHAuhaUHAuaHHau…

Inacreditável! Quando ví caguei de dar risada…”

Dai mando repassou pro Wilson, outro fudeba, que enviou pra mim, e aqui esta eheheheheheheh.



   quinta-feira, 29 de outubro de 2009

MSX Jaú a vista!



PéssimoRuimMédioBomExcelente (1 votos, média: 5,00 de 5)

Pois é… mais um ano que esta acabando e o evento MSX Jaú já esta ai novamente! Amanhã a tarde estou zarpando para Jaú para rever o povo Fudeba.

Ah… aproveitando o ensejo, eu adicionei o Google Friend Conect ali no menu, façam bom uso! Gostaria de saber o pessoal que me acompanha.

[ Ouvindo: Cyndi Lauper – 80’s Megamix.mp3 ]


   quarta-feira, 21 de fevereiro de 2007

Recorde de fudebas no IRC!



PéssimoRuimMédioBomExcelente (1 votos, média: 5,00 de 5)

Faz tempo que eu não participo ativamente do canal de IRC dos fudebas MSXZeiros, mas hoje por coincidência, eu estava no canal e eis que um recorde é quebrado!

19 fudebas on-line! Mas.. ehehe, se bem que tem dois que não contam, são praticamente bots no canal: Ginseng e MSXALL não conta



   segunda-feira, 5 de fevereiro de 2007

Fudeba sem-fio.



PéssimoRuimMédioBomExcelente Nenhuma avaliação... seja o primeiro!

Leandro, o cartãozinho wi-fi é próprio da foto ai embaixo, é um 3COM mesmo. o preço como eu já havia dito foram miseros R$31,00. Foi comprado no mercado lixo mesmo. Dá uma boa procurada lá que eu já vi cartão da Orinoco, ja da prism nunca vi nem falar, o que ele tem de especial? Maior potência no radio?

A próxima coisa a entrar na era sem-fio aqui é o n-gage, preciso comprar um dongle bluetooth pra ele. Mas estou a procura de um decente, tem uns bem baratinhos que eu não fui com a cara, parece ser algo tipo “win-bluetooth” se é que isso existe. Tudo bem que eu tenho PC pra tudo isso, mas…



   quarta-feira, 8 de novembro de 2006

MSX Jaú, resumão.



PéssimoRuimMédioBomExcelente Nenhuma avaliação... seja o primeiro!
  • Como o Ricardo já disse (não sei se perceberam, mesmo lá em Jaú, eu
    estou tentando perder essa mania de chamar as pessoas pelo sobrenome, acho
    que fica muito formal, o que não rola entre amigos), em 10 encontros em Jaú,
    pouca coisa mudou da temática original, que é o MSX, mas como os laços de
    amizade vão se estreitando é inevitável os “encontros paralelos”. Isso
    aproxima mais ainda uns dos outros.
  • Esse ano novamente foram 4 dias, deu pra divertir MUITO. Lembro dos
    primeiros encontros de 2 dias, eram pouco, 4 dias já é uma média muito boa.
  • Neste ano tivemos diversas “baixas”, gente que não foi por problemas de
    família(mais do que compreensível, a família vem em primeiro lugar),
    problemas financeiros (plausível…), e por pura fudebice (não tem desculpa),
    varias figuras clássicas não apareceram, uma pena. Mas teve gente nova, o
    que foi positivamente bom!
  • Definitivamente, MSXZeiro é o povo mais solidário que conheço. O micro
    do Tony, estava com uma placa ethernet (10mbit), e bastou que eu desse a
    sugestão de uma vaquinha, e o Ricardo tomar a ideia adiante e passar chapéu,
    compramos uma placa fast ethenet para o Tony. E o ricardo também deu um cabo
    de IDE ATA100 para o Tony, o qual ele ira usar no MSX, mas lá isso não tem
    proveito total, trocou pelo de 40 vias da maquina dele. Isso agilizou
    bastante as cópias.
  • Gravadora da LG é a prova de bala! As que estavam lá aguentaram
    bravamente o uso intenso.
  • Mas… HD é o que há, é muito mais rápido para copiar os arquivos e tem
    muito mais espaço.
  • Quanto se imagina que já se viu de tudo em matéria de micros MSX, o
    Daniel Ravazzi, aparece com mais alguma doideira.
  • Dá impressão que toda a movimentação noturna de Jaú se concentra no
    quarteirão em volta do Shed, e com a fudebada invadindo aquilo, a coisa
    piora um pouco mais. E na falta de cadeira vale tudo, até ficar “secando” as
    mesas para serem desocupadas logo, e inclusive, sentar no parapeito da janela
    eheheh.
  • Não sabia que Itú, a cidade onde tudo é grande, tem filial em Jaú. Já
    não bastava o X-Fudeba (que é um senhor sanduíche que dá para duas pessoas),
    a pastelaria Itagiba também serve pasteis enormes, e não é de vento, o
    pastel de carne, TEM carne dentro, e você não precisa gritar bingo, quando
    acha queijo no pastel de queijo! (by Igor!)
  • Ouvir da boca do Ademir: “Mexer com MSX é se f0d#$ no paraíso”. Não tem
    preço que pague!
  • Praga de MSXZeiro pega! Já fechamos dois hoteis (central e paulista),
    dois restaurantes (um perto do x-fudeba e o Panela que tá capenga), e uma
    pizzaria! ehheeh
  • Jaú definitivamente é uma cidade abafada! Eu que não sou fã de ar
    condicionado, tive que ligar o do meu quarto no hotel, dois dias, arfhhh!!!
  • O Hotel Jardim esta melhor que no ano passado, fachada reformada, o bom
    atendimento de sempre, e tudo mais, agora tem um computador para uso dos
    hospedes na sala do café, e um ponto de rede para espetar no notebook, mas
    nem tudo são flores, falta uma tomada de força nessa bancada pra ligar o
    note, e no quarto não tinha a lista de preços do frigobar, tanto que deixei
    estas duas notas na folha para coleta de sugestões que ficam nos quartos.

E por fim, fudeba que é fudeba, faz até planilha detalhada dos gastos em Jaú. Como estava com o notebook este ano, fiz tudo bonitinho numa planilha eletrônica. Isso serve para quem acha que Ir a Jaú fica caro. Nada… Olhem só:

Descrição                                     Valor      Dia
 ---------------------------------------------------------------
 Combustível, abastecimento em São João        R$ 20,00   2/nov
 Combustível, abastecimento em dois córregos   R$ 15,00   2/nov
 Almoço no Mr. Chang                           R$ 20,00   2/nov
 Hospedagem no Hotel Jardim                    R$ 99,00   2/nov
 X-Fudeba (bacon com calabresa)                R$  5,00   2/nov
 Shed                                          R$  5,00   2/nov
 Água mineral (sheed)                          R$  1,50   2/nov
 Almoço por quilo                              R$  8,60   3/nov
 Pizzaiolo, jantar                             R$ 17,00   3/nov
 Shed                                          R$  8,50   3/nov
 Almoço por quilo                              R$  9,00   4/nov
 Pastel de "itu" na pastelaria itagiba         R$  8,00   4/nov
 coco de quase 1 litro de água (uau)           R$  2,00   4/nov
 Shed                                          R$  2,00   4/nov
 Almoço no Mr. Chang                           R$ 20,00   5/nov
 Combustível, abastecimento em dois córregos   R$ 14,00   5/nov
 Refrigerante em dois córregos                 R$  1,50   5/nov
 Gastos extras - Fanzines MSX-Force            R$  8,00  
 Gastos extras - Disquete do EdiOS             R$  2,00
 Gastos extras - Cartucho SCC (Maluf)          R$ 60,00
 Total Geral:                                  R$ 318,10

Dá mais ou menos 80 reais por dia, o que eu acho bem razoável para 4 dias, isso contando os gastos extras, com a compra de produtos no encontro. Se for contar somente o gasto de “sobrevivência” e viagem , cai para 62 reais por dia.

Só não vai que não pode ou não quer mesmo.



   domingo, 5 de novembro de 2006

MSXJaú Dia 3



PéssimoRuimMédioBomExcelente Nenhuma avaliação... seja o primeiro!

Olha ai povo! Uma nova leva de fotos do encontro, atualizadas hoje, mas não diretamente aqui do evento, mas sim aqui do hotel eheheh. Pois agora tem um ponto de rede aqui na sala de café do Hotel Jardim, uma cortesia muito legal aos hóspedes. So deixei uma sugestão na fichinha que tem em cada quarto, de que instalem uma tomada nesta bancada, pois não adianta muito o ponto de rede, sem uma tomada, como no meu caso que note não tem bateria.

Porém no final do dia tivemos uma notícia muito triste, o falecimento do pai do nosso grande amigo Daniel, nesta tarde. Ao Daniel, só posso recomendar muita reflexão nesta hora, e que Deus ilumine seu caminho.


Ginseng tomando sua dose de chá de fita K7.


Chimba, Ademir e Familia.


A pilha de placas Expert 3.


Mais placas Expert 3!


Marluce, que resolve brincar de origami, porem… com a comanda do Ademir, no Sheed. hihi


Ricardo Jurczyk e Werner Kai, que acabara de chegar ao evento.


Ginseng de cosplay sabe-se lá do que…


Uma GFX9000 aberta, a qual apelidaram de G-Force do MSX.. eheh… que exagero!


A pastelaria onde fizemos nosso jantar hoje. Olha o tamanho da “linha de produção”!
E tem até fila pra compra o pastel. Enormes por sinal.


Já que não tem cadeiras disponiveis no Sheed, senta-se no para-peito mesmo!

Mais algums amigos ficaram de aparecer amanhã ao evento, dentre eles, Rafael Lopes (Bass) e Guiherme Groke, espero que os “fudebas” marquem presença!

Um abraço pessoal, amanhã faço o ultimo post diretamente aqui de Jaú, no final do evento. Devo chegar em casa por volta das 8:00 da noite, se a viagem correr como planejado. Inté, que vou pra cama, que teremos uma hora a menos de sono hoje, por conta da DROGA do horário de verão, o qual eu ODEIO! Ô porqueira!



   sexta-feira, 3 de novembro de 2006

MSXJaú Dia 2



PéssimoRuimMédioBomExcelente Nenhuma avaliação... seja o primeiro!

Opa! Post aqui direto do evento, e do meu lentium 233mm portátil. E a coisa anda fervendo aqui em Jaú. Bem… O Ademir Carchano já apareceu ehehhe, e veio com a família toda!

Bem… hoje teve atualização em massa das interfaces IDE, tudo para o BIOS 2.40a. E também o “evento paralelo do esteban” eheheh, já esta rolando também, e eu que levei um susto com meu HD de 40Gb, que resolveu se estranhar e perder a FAT, sorte que eu já tinha copiado tudo para o HD do Tony.

Bem.. a foto de hoje:

Amanhã tem mais! Inteh.



   quinta-feira, 2 de novembro de 2006

MSXJaú Dia 1



PéssimoRuimMédioBomExcelente Nenhuma avaliação... seja o primeiro!

Alô pessoal!

eheheh, já estou aqui em Jaú, desde as 12:00, viagem tranquila, apesar do tempo carregado, garoa, e pista molhada.

Já tem um bom pessoal aqui, o pessoal do Rio já chegou e também o pessoal de São Paulo. Tá faltando que me lembre, o fudeba véio, o Carchano que ainda não deu as caras.

Bastante gente tradicional já disse que não vai aparecer, uma pena… Infelizmente alguns por causa de trabalho, outro por problemas familiares. Espero que estes ao mens fiquem contente com as fotos. eheheheh…..

Por enquanto, uma foto pra vocês:



   quarta-feira, 25 de fevereiro de 2004

Churrasco de Eprom.



PéssimoRuimMédioBomExcelente Nenhuma avaliação... seja o primeiro!

Receita básica pra um “churrasco de Eprom”

3 Eproms médias

1 Apagador de Eproms

Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:

Pegue as 3 eprom e tempere a seu gosto com sal e pimenta, coloque no espeto apagador de eprom por 1 hora.

Esta pronto é só servir.

Hehehehe… .:lol:. não vão tomar isso a sério e tentar fazer em casa. Pra quem não sabe, eproms (aqueles chips que tem uma janelinha de cristal, que você vê as entranhas dele) são apagadas por luz U.V. (Ultra Violeta).

E para isso é usado um equipamento, o apagador de eproms que tem dentro dele uma lampada U.V. de altíssima intensidade, inclusive nunca se deve olhar diretamente para esta lampada, o apagador inclusive tem interruptor de proteção na porta, que o desliga de for aberto, mas voltando ao caso, nunca se deve olhar para elas, pois a fonte intensidade de raios U.V. destrói a retina, em resumo fode com a sua visão.

Estas lampadas são praticamente as mesmas usadas nos esterilizadores por U.V. logo se mata bactérias, imagine a intensidade do U.V. gerado. 8|

O fato que para apagar as eproms bastam alguns minutos no apagador e o que estava gravado nela já era. É coisa de no máximo 5 ou 10 minutos.

Bem, eu estou estava com 3 eprom do Ricardo Jurczyk desde a MSXRio 2003, para apagar e regravar para ele. Só que as eproms dele por um “detalhezinho telefonistico” ficaram dentro do apagador por “só” 60 minutos. Quando elas ficam expostas por muito tempo ao U.V. a pastilha de silício é literalmente “cozida”, “assada” e a eprom vai pro lixo. ]:)

E para o mal de todos os pecados, a lampada desse meu apagador queimou a cerca de 2 meses, e não estou achando outra igual pra comprar aqui e nem nos locais que costumo comprar em São Paulo, tudo isso pelo simples fato dela ser importada! As eproms não é problema, tenho um monte delas aqui, mas todas já forma gravadas, e logo é preciso apagar para usar novamente.

E como acontece todo ano, o Brasil só começa “funcionar” direito depois do carnaval, e pra qualquer um dos lugares que liguei a resposta é quase sempre a mesma: Só teremos este modelo disponível no começo de Março… Blargh! :/

[ Ouvindo: Oleta Adams Regina Belle – Get Here If You Can ]
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


  Melhor visualizado a
1024 x 768 True color
Proudly powered by WordPress. Theme developed with WordPress Theme Generator.
E altamente gambiarrado por mim mesmo :)
Copyright © 2010 by Crash Computer. All rights reserved.