Postagens com a tag ‘Tomada’

   sábado, 25 de janeiro de 2014

A conversa mole dos defensores da nbr14136…



PéssimoRuimMédioBomExcelente (7 votos, média: 5,00 de 5)

Incrível como este assunto me encontrou duas vezes nessa semana. A primeira delas foi na PiclistBR, onde eu postei uma foto que já foi publicada aqui no blog, em um tópico lá na lista, onde falava-se sobre a fosforescência residual de algumas lâmpadas fluorescente compactas.

Dai meu grande amigo Poças, obviamente não perdeu a piada, né? Disse que eu deveria tocar a tomada da foto, por um modelo ultra-moderno do tipo jabuticaba ou tridente do capeta. Claro que era piada pra me espetar. }:D

Mas dai veio a segunda carga… o Kim faz um post no facebook de um  blog onde pessoas cheias de orgulhos pela nbr14136 exaltam as “qualidades” do padrão jabuticaba e ele reclama justamente do problema de incompatibilidade com o resto do mundo. Claro que eu não pude deixar barato e nem perder a chance de mostrar a minha opinião e soltei a imagem abaixo nos dois casos. E pelo menos no facebook a coisa pegou fogo como de costume. :hot:

tomada_jabuticaba

Eu vou insistir até o final dos tempos é que toda essa propaganda que fazem, tem muita enganação pra “vender” a idéia que de foi uma boa troca. Tudo começa com a imagem abaixo onde querem me enganar que existem (ou existiam) todos esses padrões de pinos na Banânia…

tomada_jabuticaba_me_engana_que_eu_gosto

Sei…  :aiaiai: Alguém (revista época) quer me enganar que tinha tudo isso circulado nas lojas aqui na Banânia…  dessa lista ai eu nunca vi rodando nas prateleiras brasileiras os números: 2, 3, 6, 7, 8, 10 e 12…

Os números 1, 5 e 9 encaixam perfeitamente na tomada universal 2 pinos + terra. Vale lembrar que os tipos 1 e 5 são os usados nos EUA e Japão, que estão pouco SE LIXANDO pro padrão iec 60906-1 que é de onde veio a maravilhosa tomada jabuticaba, e o tipo 9 é o conhecido Europlug que é praticamente a mesma que sempre usamos por aqui e serve nas tomadas universais.

O tipo 4 da foto eu dou margem a dúvida se é a legítima jabuticaba ou se é o padrão Suíço que não é compatível com o tridente do capeta. E por fim o tipo 11 é o modelo australiano que era usado em tomadas de ar condicionado. Esse tudo bem, eu considero o patinho feio… o ponto fora da curva. Mas isso não importa, porque ninguém arrasta um aparelho de ar condicionado de um lado pro outro.

Então a revista, os engravatados do inmetro e vários fabricantes querem me enganar que isso tudo ai existia por aqui? Ah tá… me engana que eu gosto. :sarcastic:

O problema é que com ou sem jabuticaba, vai continuar uma ZONA, até pior, pois… quem tem aparelhos antigos, não vai trocar o plug se por acaso de separar com a maravilha jabuticabesca brasileira, vai socar um LINDO adaptador e boa..  e o pior… vão continuar fazendo gambiarras.

Duvida? Olha só em uma pequena pesquisada no google imagens o que eu achei:

tomada_jabuticaba_gambiarra1tomada_jabuticaba_gambiarra2tomada_jabuticaba_gambiarra3

Ou seja… as pessoas vão continuar fazendo gambiarras e estarão sujeitas a choques elétricos de qualquer forma.  :X.: Estarão se expondo a riscos como sempre, ou até mais, por conta da enxurrada de adaptadores que entraram no mercado.

tomada_jabuticaba_adaptadores

Só mostro quatro tipos ai na imagem porque eu não estou com saco pra ficar editando imagens. Mas lembrem-se que as gambiarras vão continuar a rodo… mais uma? Respira fundo!

tomada_gambiarra_das_brabas

Bonito né? :-o*

Mas então… o que me deixa mais PUTO é que a nbr5410 OBRIGA a instalação de um dispositivo que tem por finalidade evitar um dos problemas que apregoam que a nova encrenca deve resolver, os choques elétricos. Veja essa imagem abaixo, que foi postada pelo Jefferson em seu antigo blog:

tomada_jabuticaba_bebe

Olha a imagem acima… é do site da Siemens… Agora imagina o bebê com um prego ou qualquer outro objeto metálico nas mãos e de curiosidade enfiando justamente no buraquinho da fase na tomada acima… desastre ou até mesmo fatalidade na certa né?

Mas o que é então que evita choques elétricos, desligando o sistema como numa suposta ocorrência acima?

O Interruptor Diferencial Residual.

E a obrigatoriedade da instalação do mesmo vem desde 1990! Alguém cobra? Alguém fiscaliza?

Mas pra que serve o IDR, ou DR como é chamado? Ele verifica se há fuga de corrente, como no caso de um choque elétrico e desliga todo o circuito. É esse “bicho” ai embaixo:

dr_bipolarNão me assusta ou surpreenderá em nada, se daqui uns tempinhos alguém vier e dizer que a troca das tomadas não resolve o problema da segurança contra choques elétricos fazer valer a nbr5410 e obrigar a instalação do DR. Justamente porque a desgraceira do tridente do capeta não resolve esse problema em 100%.

Por isso que eu não engulo essa porcaria de padrão, fiz e continuo fazendo estoque de tomadas universais:

tomadas_ferro_velho_5

Sim… 100% de tomadas descartadas nos ferros-velhos, que eu pego, limpo, lavo, recupero e guardo. :tooth:

Só pra não perder a piada (que não vai ser piada):

tomada_jabuticaba_na_copa_ahahahahah

Edit: No post ali da revista época, onde eu peguei a imagem “o que entra, o que sai”, os únicos três comentários que tem por lá, refletem exatamente o que eu penso.

Edit 2: Fiz algumas correções no texto, e acrescentei alguns links.



   quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Praticidades que caem em desuso



PéssimoRuimMédioBomExcelente (6 votos, média: 4,33 de 5)

E vai saber porque… :aiaiai:

Nas minhas correrias atrás de tomadas no padrão antigo (já que soy contra o padrão jabuticaba ou tridente do capeta) eu acabei me lembrado de algo que eu já sabia que existia nos 1900 e antigamente, ou… nem tão antigamente assim. :tooth:

Até um certo tempo atrás, interruptores e tomadas eram dotados de material fosforescente, ou seja, eles quando bombardeados por luz (principalmente lampadas fluorescentes) passavam a brilhar no escuro.

E olha que isso era bem comum até pouco tempo atras! Pois quando fizemos uma reforma em casa a uns 10 anos atras, boa parte das tomadas e interruptores que comprei são deste tipo.

Pode parecer idiota, mas isso facilita muito! Veja só.

Uma tomada dupla (das antigas) no claro, iluminada por luz fluorescente:

Agora apenas na penumbra, observe que já dá pra ver nitidamente a fosforescência:

E agora, no escuro (quase) total:

Agora metalize a mesma coisa num interruptor. Não é muito mais fácil de você localizá-lo em um quarto escuro, do que ficar tateando a parede?

Dai eu fico me perguntado… porque os fabricantes abandonaram isso? Custo? Modismo? Outro motivo? :-z

O fato que todos os interruptores novos que eu comprei, acho que um ou dois apenas tem esse efeito de fosforescência, pois são mais antigos e já o resto sequer brilha mesmo fazendo o abuso de “grudá-lo” a uma lampada fluorescente e depois passar para o escuro.

[ Ouvindo: Montagem Antena 1 – Barry White ]


   quinta-feira, 4 de março de 2010

E tem gente que acredita neles…



PéssimoRuimMédioBomExcelente (7 votos, média: 3,71 de 5)

Dando continuidade a “meteção de pau” na famigerada nbr14136 da nossa querida abnt (eu não escrevo o nome dessa merda em maiúsculas e nem da norma de propósito, eles não merecem esse destaque) quanto mais a fundo você observa o que fizeram percebe que foi algo pra literalmente foder com todo mundo.

Alguém que já foi instalar a porcaria das tomadas novas, já prestou atenção na polarização dos plugues?

E você já se perguntou porque os adaptadores são um trubufu gigante?

Os “gênios” que resolveram mexer no que estava quieto, simplesmente não se atentaram que a disposição dos pinos é contrária nos dois tipos de tomada.

Resultado, tem adaptador sendo vendido por ai (como esse da foto acima) que os pinos fase e neutro ficam INVERTIDOS!

Alguém ai já notou que os pinos chatos das tomadas “antigas” tem um que mais largo que o outro, justamente pra polarizar e você não inserir a tomada invertida?

Alguns equipamentos, principalmente importados tem funcionamento estranho quando ligados invertidos.

E agora? Como fica? Quem esta mais louco?

A imagem que encontrei neste site (que reproduzo aqui) diz tudo:

Technorati Tags: , ,



   quarta-feira, 3 de março de 2010

Lá no blog do Ryan esta um verdadeiro auê em cima de postagens sobre maldita NBR 14136, a qual nos enfia goela a baixo o “tridente do capeta”.

Estou trazendo um pequeno trecho de um comentário do Zow de lá para cá para comentar sobre algo que a muito eu já queria escrever aqui.

“zow disse…

…Nas normas, que são um consenso comum entre especialistas da área sobre o assunto.”

Nesse ponto eu posso dar risada! Boa parte de normas editadas pela ABNT, Contran/Denatran, Anatel, Anvisa, os tais “especialistas” cheiram cola ou coisa muito pior, ou… estão levando um capilé legal por trás das normas para publicarem do jeito que são.

Vou fazer uma micro-listinha das bizarrices que eu lembro e o resultado.

– Contran/Denatran: O famigerado kit de primeiros socorros.

Todos tiveram que comprar o maldito kit que era de “porte obrigatório” e no fritar final dos ovos alguém se lembrou que no caso de acidentes, jamais remova ou mexa na vitima exceto em extremo caso de risco iminente a vida do mesmo, exemplo fogo… reseultado: Puseram-nos um nariz de palhaço e a obrigatoriedade do kit foi pelo ralo… caiu em apenas 3 meses depois de publicada.

– Inmetro/Contran: O famigerado “selinho holografico do inmetro” nos capacetes de motociclista.

Nos primeiros 2 ou 3 meses foi uma festa de blitz e multas pra quem estava com capacete sem o maldito selinho de papel. Agora??? Nem olham. Depois… o próprio inmetro pede que o contran suspenda a resolução 203… Novamente, muita gente que tinha comprado capacetes novos antes da famigerada resolução, teve que re-comprar só por causa do selinho e jogar os sem selinho no lixo. Pior é o caso de quem tinha capacite importado, com todo os certificados de segurança emitido por órgãos internacionais se segurança e… sem o papelzinho do inmetro. Hoje, nem olham pro selinho. Resultado quem comprou capacete novo por isso, tomaram um nabo no rabo.

– Inmetro: As malditas tomadas tridente do capeta.

Dispensa falar muita coisa, tem vários post aqui, aqui e aqui e também no blog do Ryan sobre a ridicularidade dessa normal. Dai… alguém (que pelo menos tem um pingo de bom senso) lá na no ministério publico acha que tá errado e quer suspender a norma. Acontece a mesma coisa na câmara…

E alguém lá do inmetro teve a cara de pau de dizer que a norma foi aprovada assim porque não houve participação ativa da população na consulta publica…. é pra rir?

– Anvisa: A nova polemica que aspirina, anti-acido e outros remédios que não exigem receita tem que ficar do lado de tras do balcão.

A maior bandeira disso é porque isso vai diminuir a auto-medicação… tenha santa paciência! Os tais remédios continuarão a serem vendidos, o hipocondríacos vão continuar comprando. A única diferença é que você vai ter que pegar um pouquinho mais de fila e pedir para o atendente de dar a cartela de aspirina. Ou seja, vai aumentar o trabalho, o custo e a mão de obra, mas tudo vai continuar como estava!

Já as grandes redes apelaram. Quer apostar que daqui algum tempo isso cai no esquecimento e as aspirinas voltam as gôndalas? Novamente, é pra rir?

– Anatel: O velho causo da venda casada do serviço ADSL (ou qualquer outro de banda larga) e você ter que contratar um maldito provedor só pra autenticar sua senha.

Essa é otima! Um provedor te cobra algo por volta de 10 a 20 reais, só pra autenticar seu usuário e senha, e te dá alguns brindes pra não ficar feio te oferece alguns servicinhos duvidosos. Se alguém falar email, apanha! Quem não sabe que o GMAIL LIQUIDOU com a festa de email pago, esta parado no século 20. A oferta também duvidosa de portal de conteúdo não cola… a anatel diz que tá tudo certo, já o procom diz que é (e realmente é) venda casada. Como fica? Eu desde que assinei ADSL nunca, repito NUNCA paguei provedor e pretendo não pagar. E isso já tem uns 3 anos. Usuários do Velox, mesma coisa…

Dai eu lanço a pergunta. Algum destes “especialistas em editar normas” pensou na população??? Não… só pensam em encher as burras de alguém (ou deles mesmo) de grana, e o povo: QUE SE FODA!

Em resumo eu acho que norma ter força de lei é algo estapafúrdio que dá margem a estas bizarrices. Pra mim pra algo ter força de lei, tem que ser LEI aprovada mesmo. Mas… no Lisarb a coisa é dos avessos mesmo.



   sábado, 13 de fevereiro de 2010

Tridente do Capeta ou Tomada Jabuticaba…



PéssimoRuimMédioBomExcelente (2 votos, média: 3,00 de 5)

Ahahahahah!!!

O jeito é rir, e por sinal, pode se preparar para ver acontecer igualzinho, do mesmo jeito, mesma forma que foram os famigerados kits de primeiro socorros veicular, que todo mundo comprou e no final puseram um belo nariz de palhaço na sua cara.

Por sinal pode entrar na fila pra pegar o seu ai do lado.

Seria cômico, mas muito cômico se não fosse trágico, palhaçada e até mesmo esperado.

Ou então pode imagina e visualizar isso aqui:

Enquanto isso, veja só:

Ministério Público Federal entra com ação contra novo padrão de tomadas
Rapidinha Efetiva #0010: Caronas on-line, trabalhar em casa durante crises, tomada-jabuticaba e mais
Projeto suspende novas regras para tomadas e plugues
Fabricantes e governo vão discutir prazo sobre normas para plugues e tomadas

Novamente eu repito… custava ter pego essa tomada aqui, e feito uma concavidade, abaixando o miolo da tomada cerca de 10mm em relação a face do espelho? Custava? Não iria resolver o problema dos zé-ruela meter os dedões nos pinos?

Mas como sempre, tem que ter mão de um comitê que vem avacalhar as coisas e criar soluções pra problemas que não existem.

Edit: O SlotMan editou a imagem acima e ficou muito boa! É assim que muitos de nos encaramos o novo padrão e assim que o povo da comissão que fez essa palhaçada toda deve ter visto a antiga tomada:

Technorati Tags: , ,



   sábado, 23 de janeiro de 2010

Pois bem, hoje rodei boa parte da cidade atras de barra de tomada 2P+Terra. Pergunta se achei? Pra dizer que não achei uma ÚNICA peça, de quatro tomadas em uma loja, por abusivos R$12,80. Acabei comprando assim mesmo. Eles me disseram que vão tentar conseguir mais e me ligam. Mas não sei se acabarei comprando mais apesar da qualidade desta barra de tomada ser excelente.

Digo isso porque achei uma provável barbada para comprar 10 filtros de linha iguais a este da foto abaixo por um preço mais do que especial, vamos ver…

No restante, comprei três filtros de linha, duas barras com 3 tomadas cada e 10 tomadas 2P+Terra de embutir com espelho.

    

    

Com isso eu espero ter sossego por um tempo minimo até essa droga de padrão IEC 60906-1 seja totalmente absorvido e não reste muita coisa dos plugues antigos.

Pelo menos meus equipamentos antigos vão permanecer com seu cabo de força e plugues originais.

Porque essa neura toda? Bem… o tempo dirá.

p.s. esqueci de dizer ontem, a imagem do porquinho olhando a tomada alienígena, tem a ver com o ditado popular que diz: “Focinho de porco, não é tomada”, que é uma versão do famoso “Nem tudo o que parece, é!” Até o velho ditado popular, a ABNT quer nos tomar pois daqui pra frente só se modificarem o porco geneticamente pra ter 3 orifícios no nariz.

[ Ouvindo: Queen Samantha – The Letter ]

Technorati Tags: , ,



   sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Sim… com Z mesmo. Já que de brasileiro ele não tem nada.

A babel elétrica.

Eu já torci o focinho para o “novo padrão” assim que saiu a NBR correspondente.

Novamente o .BR conseguiu se superar e matéria de idiotice. O tal “novo padrão” é incompatível com tudo o que existe por ai, só aqui será usado esse padrão que muito se assemelha ao Suíço, mas até nisso conseguiram avacalhar, porque a distancia dos pinos é um pouco diferentes.

Aqui no caso resolveram desenterrar o defunto da norma IEC 60906-1.

Um padrão de plugue e tomada criado na década de 80 pela Comissão Eletrotécnica Internacional (IEC) para servir de padrão mundial (tá vendo como padrão não é brasileiro?). Um belo abacaxi tecnológico que nenhum país resolveu adotar, já que cada um usa uma coisa mais esquisita que a outra (vide artigo na wikipedia) e a troca seria literalmente um pé no saco de todos os consumidores com esta sendo aqui.

Hoje sai a caça de réguas de tomada (não, não é filtro de linha) para trocar as tomadas das bancadas aqui. Eu ME RECUSO terminantemente a adotar o novo padrão, porque eu como técnico de manutenção, só pego BUCHA DE CANHÃO VELHA, que fatalmente virão e vão continuar com os velhos plugues.

Ou ainda você acha que eu vou cortar todos os cabos de meus equipamentos, mesmo os importados e caros, ou ainda vou trocar as fontes de parede (wallcharger) de todos os meus equipamentos? A resposta é:

– Pelo menos nos próximos 3 a 5 anos?

NEM FOOOOODENDO!

(nota mental: recomendo assistir: http://www.youtube.com/watch?v=zlw5AR6CZuc)

Assim sendo eu estou a caça de umas 10 tomadas iguais a esta da foto ai de baixo. Aqui na cidade eu já procurei em duas lojas, não fui no resto porque a chuva não deixou, mas eu vou procurar, e vou procurar também nas cidades aqui da região.

Se algum de vocês que leem essa bagaça aqui achar em sua cidade, por favor me comunique pelos comentário e deixe um e-mail de contato. Como os comentários são moderados, eu prometo que leio, anoto e apago para não tornar seu endereço de e-mail publico.

Eu já perguntei… Porque não fizeram uma minima adaptação no padrão de tomada tripolar que contempla o padrão americano e o nosso antigo? A tomada que eu estou falando é essa aqui:

Como tornar esta tomada mais segura, e sem avacalhar? Basta simplesmente colocar uma borda de cerca de 1cm no lugar do aro preto. Ou ainda assim recuar todo o bloco em 1cm em relação a face do espelho.

Assim não teria como um zé-ruela se matar ao inserir o pluge, pois uma das alegações para a mudança é o fato que se um zé-ruela segurar o plugue e por os dedões em cima do pino (caso não seja daqueles que tem o metal somente na ponta) ele vai levar um chacoalhão.

Mas não… como eu já disse, preferiram fazer algo totalmente incompatível, para que todo mundo escolha três saídas:

– Troca TODAS as tomadas de sua casa, corta o cabo de TODOS OS EQUIPAMENTOS e coloca pinos dos novos.

– Continua com as tomadas velhas em casa, e compra uma tonelada de adaptadores porcos e fica pior a emenda que o soneto.

– Continua tudo como esta e simplesmente amputa o pino de terra e soca tudo nas tomadas velhas (opção mais que provável para a maioria)

Sabe o que isso me cheira? Lavagem de dinheiro e alguns políticos ganhando muita grana em cima disso. Ou será que você não se lembram da “obrigatoriedade do kit de primeiros socorros” que todos os otários foram obrigados a comprar e logo depois foi desobrigado e caiu no esquecimento, porque se lembraram que em caso de acidentes, se a vitima não corre perigo, NÃO TOQUE NA VITIMA, pois você pode agravar a situação.

Para refrescar a memória: http://www.senado.gov.br/sf/noticia/senamidia/historico/1999/3/zn033068.htm

Ou alguém ainda acha que a “obrigatoriedade” destes kits não foi puramente uma jogada pra alguém ganhar MUITO DINHEIRO?

Agora pense a mensa coisa aplicada as tomadas… Cheira estranho não?

Mais gente que pensa a mesma coisa que eu:

http://oggibrahim.blogspot.com/2009/10/focinho-de-porco-nao-e-tomada.html
http://lilianlima-trespontos.blogspot.com/2009/10/focinho-de-porco-nao-e-tomada.html
http://www.archersys.com.br/blog/2010/01/novo-padrao-brasileiro-de-tomadas-que-zica/
http://grandereforma.blogspot.com/2009/05/focinho-de-porco-nao-e-tomada.html
http://revistaveja.wordpress.com/2009/10/24/jabuticaba-eletrica/

[ Ouvindo: Steely Dan – FM (No Static At All) ]

Technorati Tags: , ,

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


  Melhor visualizado a
1024 x 768 True color
Proudly powered by WordPress. Theme developed with WordPress Theme Generator.
E altamente gambiarrado por mim mesmo :)
Copyright © 2010 by Crash Computer. All rights reserved.