Postagens com a tag ‘Windows’

   sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Eu não deveria…



PéssimoRuimMédioBomExcelente (4 votos, média: 4,50 de 5)

Eu já aprendi que não discuto mais com usuário de linux, é perda de tempo. Pelo menos as discussões do tipo “o meu é maior que o seu”. :hypocrite:

Hoje, novamente eu tive que “ouvir” (melhor dizendo… ler) que ” Esse negócio de ninguém usa é coisa de dez anos atrás, hoje em dia todo mundo usa, só que a maioria nem sabe disso.”

Tá, se for falar em servidor e os S.O. embutidos que o usuário só tem acesso a botões, tudo bem. Realmente muita gente usa e nem sabe.

Mas quando a coisa torce pro lado do PC, no caso o desktop, a coisa ainda é feia. Como disse eu não discuto mais, eu apenas observo, eu apenas mostro números:

Visualizações de página em DOIS ANOS do www.msxpro.com

Windows: 79,87%
Linux: 7,19%

acessos_msxpro

Visualizações de página em DOIS ANOS do www.py2bbs.qsl.br

Windows: 89,71%
Linux: 3,49%

acessos_py2bbs

Visualizações de página em DOIS ANOS do www.crashcomputer.tk

Windows: 87,07%
Linux: 6.45%

acessos_crashcomputer

Ou seja… aqui nas minhas bandas, com 3 sites com publico alvo bem distintos, em nenhum caso linux chegou a 10% de visualizações de página em 2 anos.

Nem vou colocar o Android no meio da briga, porque segundos muitos puristas, Android não é linux. Se é assim, então tá né? }:D



   segunda-feira, 17 de março de 2014

Integrando o DOSBOX ao menu de contexto.



PéssimoRuimMédioBomExcelente (3 votos, média: 4,67 de 5)

Eu estava com um diretório atulhado de programas MS-DOS aqui pra verificar a versão (Motorola RSS) e ficar abrindo um por um na base do teclado, tendo montado o diretório inteirinho no DOSBOX ia virar um serviço de corno. o:-)

Dai pensei… se existe aquela manha de pendurar o CMD.EXE no menu de contexto do windows pra abrir o prompt no diretório corrente, porque não fazer algo similar com o DOSBOX?

Fui procurar na internet algo pronto e não achei nadinha do jeito que eu queria. Se pedir o menu de contexto em um diretório, monta o diretório no DOSBOX como C:\ e entrega o prompt. Se pedir o menu de contexto em um .EXE, .COM ou .BAT (qualquer executável) dispara o DOSBOX e já executa o programa.

dosbox_context_menu

Dai fiz um pequeno arquivo de registro,  que já faz todo o trabalho sujo e o resultado é o da imagem acima.

dosbox

Para quem precisar fazer a mesma coisa, deixo abaixo o conteúdo do arquivo .reg que fiz. Não darei maiores explicações, pois quem for usar isso acredito que já saiba como se aplica isso no registro, como se faz o arquivo, etc… :hypocrite:

Windows Registry Editor Version 5.00

; DOSBOX no menu de contexto de diretórios e drives.
[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\shell\DOSBox]
@="DOSBOX Mount"

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\shell\DOSBox\command]
@="C:\\Arquivos De Programas\\DOSBox\\DOSBOX.EXE \"%1\" -noconsole"

[HKEY_CLASSES_ROOT\Drive\shell\DOSBox]
@="DOSBOX Mount"

[HKEY_CLASSES_ROOT\Drive\shell\DOSBox\command]
@="C:\\Arquivos De Programas\\DOSBox\\DOSBOX.EXE \"%1\" -noconsole"

; DOSBOX executa arquivo diretamente.
[HKEY_CLASSES_ROOT\*\shell\DOSBox]
@="DOSBOX Run..."

[HKEY_CLASSES_ROOT\*\shell\DOSBox\command]
@="C:\\Arquivos De Programas\\DOSBox\\DOSBOX.EXE \"%1\" -noconsole"

Claaaaaaaaaro que você deverá ajustar o caminho do executável do DOSBOX para o de onde você o instalou né? :-P

Ah… Bônus!  :tooth: O DOSBOX quando executado desta forma e com o parâmetro -noconsole, cria dois arquivos no diretório que está sendo executado.

dosbox_log
Isso pode ser tornar irritante dependendo  do caso. Pelo que pesquisei, não existe um parâmetro para se passar ao DOSBOX para que ele não crie os tais arquivos. :aiaiai:

Solução? Abra o DOSBOX em um EDITOR HEX, procure pelas ocorrências:

stderr.txt
stdout.txt

E substitua por:

NUL

dosbox_hacking

Vai encontrar duas ocorrências de cada arquivo. Salve o DOSBOX.EXE e pronto. Os dois arquivos não serão mais criados. }:D



   quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Prompt de comando



PéssimoRuimMédioBomExcelente (5 votos, média: 4,40 de 5)

Imaginemos que você por algum motivo qualquer tenha que chegar até a “pasta” abaixo pela linha de comando:

C:\Documents and Settings\Administrador\Configurações locais\Dados de aplicativos\Mozilla\Firefox\Profiles\2av37elg.default\Cache

O jeito “crássico” seria abrir o prompt e descer a lenha na base do CD “blah”.

Clica que cresce!

Você até pode usar o recurso do tab completation, se ele por um acaso estiver desligado, aqui tem uma dica de como  liga-lo.

Isso vai economizar muita digitação, mas ainda tem uma dica mais simples, que tal ter um item no menu de contexto do windows explorer tal como na figura abaixo?

Clica que aumenta!

Não é muito mais simples? Basta navegar até a “pasta” desejada, na arvore do explorer clicar com o botao direito do mouse sobre a “pasta” alvo, e clicar no “Dos prompt aqui” e… voilá! O prompt de comando será aberto na “pasta” alvo.

Como fazer isso?  Mole, basta criar um arquivo de registro (prompt.reg por exemplo) com o seguinte conteúdo:

Código:
Windows Registry Editor Version 5.00

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\shell\cmd]
@="DOS prompt aqui"

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\shell\cmd\command]
@="cmd.exe /k \"cd %L\""

[HKEY_CLASSES_ROOT\Drive\shell\cmd]
@="DOS prompt aqui"

[HKEY_CLASSES_ROOT\Drive\shell\cmd\command]
@="cmd.exe /k \"cd %L\""

(como fazer: abre o bloco de notas, seleciona o texto de dentro da caixa ai de cima, copia e cola no bloco de notas, salve como prompt.reg. Pra  aplicar, bata dar um duplo clique sobre o arquivos .REG criado e mandar adicionar as informações no registro do windows)

Dai quando usar a opção “DOS prompt aqui” no menu de contexto você vai abrir o prompt diretamente na “pasta” alvo como abaixo:

Ah… essa dica eu sei que funciona corretamente no Windows 2000, XP e 2003 Server, certamente funcionará no 2008 server, Vista e Seven.



   domingo, 31 de janeiro de 2010

A procura de solução para um problema clássico



PéssimoRuimMédioBomExcelente Nenhuma avaliação... seja o primeiro!

Já não e de hoje que eu me deparo eventualmente com esta mensagem de erro no windows:

E o tipo de erro irritante que obriga a reiniciar. Ontem me deparei novamente com esse erro usando o PhotoShop 8 Portable. Depois de deixar o software minimizado por cerca de meia hora, o mesmo travou e causou essa mensagem ao tentar matá-lo via gerenciador de tarefas.

Imediatamente pensei: Vou matar com o process explorer. Pra minha surpresa o erro é tao complicado que impede o process explorer de ser executado. Tentei executá-lo por 3 vezes ate notar que haviam 3 instancias do PE no gerenciador de dispositivos, penduradas e também travadas.

Deixo a pergunta aqui, alguém sabe como efetivamente MATAR um erro rebelde como este?

Um outro erro que estou investigando e um possível mal comportamento de um plugin do miranda-im que esta exaurindo a área reservada para memoria heap.

p.s. sugestões engraçadinhas do tipo mude pra linux serão sumariamente excluídas, independente do comentário ter alguma parte relevante.



   sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Coisa engraçada…



PéssimoRuimMédioBomExcelente Nenhuma avaliação... seja o primeiro!

Estava lendo as mensagens de uma lista de discussão agora a pouco e vi algo que acho no minimo engraçado…

Todo usuário de linux gosta de arrotar aos quatro ventos que usa o pinguin e costuma fazer campanha (aos quatro ventos também) contra o windows.

Mas vira e mexe eu vejo neguinho dizendo que roda o programa XYZ, feito pra windows, obviamente, rodando dentro do wine… Interessante! Já que o windows (e por consequência) suas coisas são mal feitas, porque não vão atrás ou arregaçam as mangas e fazem os mesmo programas nativos pro sistema deles?

Porem é mais fácil catar o emulador do windows e rodar os programas no maior “cinismo” e dizer como linux é bom. Bizarro esse ponto de vista. :)

Antes que algum linuxer venha me tacar pedra e dizer que os programas rodam melhor dentro do wine que no próprio windows, eu digo que isso é um ponto de vista meu e não adianta querer me mudar.



   sábado, 6 de setembro de 2008

Prazo de validade vencido.



PéssimoRuimMédioBomExcelente Nenhuma avaliação... seja o primeiro!

Pois é… durou exatos um ano e meio. Mas na terça passada o windows 2000 aqui desse PC pediu água, melhor dizendo eu pedi água pra ele, estava muito bugado, soluçando, glitches no som (que por sinal eu queria descobrir o que causa isso) e glitches na captura de vídeo.

Como eu a tempos tenho o hábito de ter uma imagem do sistema para restauração, bastou fazer o backup de alguns dados e restaurar a imagem. Coisa de 15 minutos e o sistema já esta novinho, bootavel e pronto.

Dai bastou fazer algum ajustes finos que ficaram faltando na outra vez, atualizo alguns programas e esta tudo pronto, faço uma nova imagem.

Mas sabe que murphy não dá folga né? Pois é… a lista de correções pra fazer na imagem e gerar uma nova imagem, daqui a sei lá quanto tempo, já esta maior do que a anterior!

Vai entender isso…

Sobre os glitches do som, é algo estranho… depois de alguns dias ligado, todo e qualquer som reproduzido fica mais ou menos como isso aqui (simulado em um editor de áudio).

E esse gáhgáhgáhgáhgáhgáhgáhgáh, se repete com uma frequencia não ciclica, mas em intervalos curtos.

Reiniciar o sistema, resolve por algum tempo, mas quanto mais velha a instalação menor é o intervalo entre as reiniciadas.

O sistema que esta aqui fresquinho que aguenta 15, 20 dias sem reiniciar, estava antes não durando algumas horas pra começar com essa gagueira.

Eu já tentei:

– Limpeza de registro
– Deframentação do HD do sistema
– Deframentação do registro
– Otimização de registro
– Reinstalar drives de som e video
– Matar o maximo de processos “inuteis” para verificar se é algum deles
– Utilizar um “defrag” me memória pra juntar os cacos e tirar o lixo inutil esquecido lá.

E nada… nada disso resolve. Será que alguém tem uma dica quente?



   sábado, 25 de março de 2006

O mar virou sertão…



PéssimoRuimMédioBomExcelente Nenhuma avaliação... seja o primeiro!

… e o sertão virou mar.

Só pra ficar justamente o contrario do Rigues

Já que ele postou que botaram o Mac OS X pra rodar em um PC, ja fizeram justamente o contrario, botaram o Windows XP para rodar em um MAC.

Programador consegue rodar Windows XP em um Mac com chips Intel

16 de março de 2006 – 12:34

Programador consegue rodar Windows XP em um Mac com chips Intel

Feito põe fim a um concurso iniciado em fevereiro. O novo Mac pode rodar tanto o sistema operacional da Apple como o da Microsoft.

Alexandre Barbosa

SÃO PAULO – No último dia 14, um programador identificado apenas como narf2006 afirmou ter conseguido o impossível: colocar o sistema operacional Windows XP rodando em um dos novos computadores da Apple que usam chips da Intel.

A façanha foi confirmada ontem pelo organizador do concurso, o texano Colin Nederkoorn, e a ´receita de bolo´ que torna isso possível deve ser divulgada em breve. É possível escolher o sistema operacional desejado no boot do sistema e funciona em iMacs com telas de 17 e 20 polegadas, e nos novos MacBook Pro e Mac Mini.

O prêmio do concurso totalizou US$ 13854, e boa parte do valor foi fruto de doações de entusiastas e empresas.

Site do concurso: http://windowsxp.onmac.net/

Resumindo… MAC já virou terra de ninguém.



   segunda-feira, 25 de julho de 2005

De "Chifrudo" pra "Vista"



PéssimoRuimMédioBomExcelente Nenhuma avaliação... seja o primeiro!

^C & ^V do:
http://tecnologia.terra.com.br/
(na cara dura mesmo!)

Hardware & Software
Sexta, 22 de julho de 2005, 10h53

Novo Windows vai se chamar “Vista”

A Microsoft anunciou, nesta sexta-feira, que vai chamar a próxima versão de seu sistema operacional de Windows “Vista”. O produto, até então conhecido pelo nome de projeto “Longhorn”, deve ser lançado em 2006.

Uma das características principais do novo sistema operacional é a excelente interação e sincronização com RSS. Segundo o site oficial além de assinar a notícias e blogs, o usuário poderá ter feeds de áudio, vídeo, documentos, fotos, eventos e por aí vai.

Outra novidade do sitstema é uma barra de navegação lateral, onde pode-se colocar virtualmente qualquer coisa. Desde RSS, a atalhos para programas, até vídeos e fotos. A barra assemelha-se aos painéis de programas como o Photoshop e Dreamweaver.

Para rodar o Windows Vista será obrigatório ter uma placa de vídeo 3D, já que será recheado de efeitos de transição. As pastas “Minhas Imagens” e “Meus Vídeos”, por exemplo, ganharam uma nova cara e agora têm ícones para gravar DVD, criar álbums de fotos além de novas formas de visualização de imagens.

A chegada do Windows Vista ocorrerá cinco anos depois do início da distribuição do Windows XP. O intervalo entre os lançamentos das duas versões do sistema operacional da Microsoft será o maior da história.

A empresa prepara, para o dia 3 de agosto, o lançamento de uma versão beta do Windows Vista. A versão final está agendada para outubro de 2006.

Fonte: http://tecnologia.terra.com.br/interna/0,,OI600894-EI4801,00.html

Windows Vista. Blerghh! Eita nomezinho feio, vai ter gosto assim lá na PQP!

E eu achava que só o Linux que tinha nomes “criativos”: Fedora, Gentoo



   terça-feira, 13 de janeiro de 2004

Muita meleca pra uma pessoa só.



PéssimoRuimMédioBomExcelente Nenhuma avaliação... seja o primeiro!

Não da pra acreditar como certas coisas acontecem com o windows, estava eu calmamente navegando pelo Mercado Livre, quando o computador deu uma daquelas travadas, de nem mexer o ponteiro do mouse. Até ai tudo bem, acontece, basta meter o dedo no botão de reset e tudo volta ao normal.

Ao menos era pra acontecer isso, só que o windows cismou que o registro estava corrompido. Beleza, tem ao menos umas 5 cópias de segurança do arquivo de registro. Mandei restaurar uma delas. Legal, bootou normal, porem o windows cismou de entrar em modo de compatibilidade, porque havia um conflito de irq (que apareceu não sei de onde) da placa de vídeo com o canal secundário da IDE (onde estão o gravador de CD e o CD-ROM)

Ótimo, pensei, basta acertar as irq’s de modo que não se atropelem e voilá. Hehehe… vai nessa, o pior ainda estava por vir, acertei o conflito da ide, porém a placa de vídeo entrou em conflito agora com a placa de som. Vamos lá, mais uma ajeitada daqui, empurra dali, e pronto para o novo reset para as configurações fazerem efeito.

Começa o boot, no meio da carga, BUM! “Sistema paralisado, você precisa reiniciar o seu computador”. Dedão no reset novamente. Pluft! Insira o disco de boot e tecle algo.

Pronto, a merda feita, não sei o que aconteceu mas a fat do HD foi pro espaço. Só pra encurtar a historia, catei o cd com o kurumin bootei salvei o que dei pra salvar, catei o HD, liguei em outro pc com windows 98, fiz um scandisk, mandei converter os clusters perdidos e salvei mais um tanto de coisa.

Segunda parte do problema, reinstalar tudo. Tudo instalado, apenas faltando alguns drivers. Cato o CD onde estavam gravados esses drivers, coloco no drive, e nada. Resumindo, CD bichado e drivers perdidos. Fiquei somente sábado e domingo revirando o google de cabo a rabo para encontrar tudo de novo. Ou quase… Ficou faltando um drive do meu CD-ROM Infra da Creative que não achei nem com reza brava. Solução, acabei comprando um modelo mais novo, usado é claro, infra, aqui na cidade por R$10,00.

Agora pra não acontecer tudo isso de novo, já tratei de fazer uma imagem do HD e vou gravar em dois CD’s decentes e pegar todos os drivers e gravar em um CD decente também.

Regra, não confie em CD’s que custem menos de R$2,00. Na hora “H” ele falha.

[ Ouvindo: Viola Wills – Gonna Get Along Without Your Love (12″ Mix) ]
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


  Melhor visualizado a
1024 x 768 True color
Proudly powered by WordPress. Theme developed with WordPress Theme Generator.
E altamente gambiarrado por mim mesmo :)
Copyright © 2010 by Crash Computer. All rights reserved.